domingo, 12 de dezembro de 2010

Nydia Bonetti

havana



na rota dos meus sonhos
ainda te encontro
con sus guitarras y cantos
sus poemas de arcilla y piedra
minerales y hojas
ojos de tabaco y doçura
manos de esperanza
fuegos de ternura
habana
(reconheço-me ilha)
cenizas de lo que soñé



setembros


o tempo
corrói a vida pelas bordas
insaciável
já devorou
mais da metade do que sou
[...ou do que fui?
e nos setembros
ele arranca pedaços
inteiros



Nydia Bonetti, 1958, do interior de São Paulo, poeta e engenheira civil, tem poemas publicados na Revista ZUNAI e outras mídias eletrônicas. Bloga no LONGITUDES, trabalha atualmente no projeto do seu primeiro livro, ainda sem título definitivo.
blog: http://nydiabonetti.blogspot.com/

6 comentários:

Lara Amaral disse...

Nydia merece todas as homenagens. É das poetisas mais sinceras, delicadas e profundas que leio.

Ela tbm me apresentou seu espaço, Jorge, o qual leio há algum tempo e muito aprecio.

Abraço.

Hilton Valeriano disse...

Nydia? Essencial!

Francy´s Oliva disse...

Bela escolha carissímo.
bom dia, bjs

Mirze Souza disse...

Sempre há o tempo da escolha precisa!

Jorge, a Nydia é imprescindível na nossa literatura.

Obrigada, porque há muito a admiro.

Um forte abraço!

Mirze

Sônia Brandão disse...

Jorge, é muito bom ver os belos poemas da amiga Nydia publicados aqui. Ela merece ser cada vez mais vista.

Abraços

Rosangela disse...

Nydia, extremamente talentosa!
Parabéns!